A importância do uso de EPI

A importância do uso de EPI

Você se expõe a algum risco enquanto está no trabalho? Então esse post é pra você entender a importância do uso de EPI

Os equipamentos de proteção foram criados para proteger os trabalhadores dos riscos do ambiente de trabalho, como: enclausuramento acústico de fontes de ruído, a proteção contra abrasão, calor, frio, radiação, projeção de partículas dentre outras tantas.

Com o uso correto, é possível garantir a saúde e proteção do trabalhador, além de não comprometer a capacidade para o trabalho.

A empresa é responsável por garantir a segurança do trabalhador e para isso acontecer, deve ser feito um estudo dos riscos ocupacionais (PPRA). Através desse estudo é possível identificar e evitar possíveis acidentes e doenças causadas pela empresa.

Além disso, cabe ao empregador as seguintes obrigações:

Adquirir o EPI adequado ao risco de cada atividade e fornecer gratuitamente a seus empregados;

  •            Exigir o seu uso;
  •            Oferecer ao empregado somente um produto aprovado pelo órgão nacional responsável (CA – Certificado de Aprovação) ;
  •            Orientar e treinar o trabalhador em como usar o equipamento de forma correta;

A NR6 (norma reguladora 6), estabelece que os equipamentos sejam fornecidos de forma gratuita para o trabalhador, em perfeito estado de conservação e funcionamento, nas circunstâncias abaixo:

  •            Sempre que as medidas de ordem geral não ofereçam completa proteção contra os riscos de acidentes do trabalho ou de doenças profissionais e do trabalho;
  •            Enquanto as medidas de proteção coletiva estiverem sendo implantadas;
  •            Para atender a situações de emergência.

Os supervisores devem sempre estar atentos e garantir que os funcionários estejam usando todos os equipamentos necessários para não acontecer nenhum acidente. A empresa ainda deve se responsabilizar por equipamentos estragados ou danificados,caso isso aconteça,precisam ser trocados imediatamente.

Visite a Loja da Proteção EPI. Saiba mais aqui



Voltar